Comissão rejeita volta obrigatória de extintor de incêndio nos veículos


Estava em análise na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE), um projeto de lei do deputado Moses Rodrigues (MDB-CE), que previa o retorno do extintor de incêndio à lista de equipamentos obrigatórios nos automóveis.
A obrigatoriedade foi extinta em 2015. A proposta (PLC 159/2017) determinava o uso do extintor com carga de pó do tipo ABC.


O relator da proposta, senador Styvenson Valentim (PODE-RN), entendeu tratar-se de uma obrigação desnecessária aos motoristas brasileiros.
Styvenson afirmou que é mais seguro que motoristas e passageiros abandonem o veículo em chamas e demandem ajuda especializada, como do Corpo de Bombeiros, em vez de tentar debelar o incêndio por conta própria, com os riscos que tal prática poderá trazer, tanto para os usuários quanto para aqueles que estão nas proximidades do fogo.