Rio paga R$ 800 mil por show de Zeca Pagodinho no Réveillon de Copacabana


  • Reprodução/Diário Oficial do Município
    Segundo publicação no Diário Oficial do Município do Rio, Zeca Pagodinho receberá cachê de R$ 800 mil para se apresentar no Réveillon de Copacabana

Apesar do cenário de crise econômica no Estado, a Prefeitura do Rio de Janeirovai pagar R$ 800 mil ao sambista Zeca Pagodinho pelo show no Réveillon de Copacabana, zona sul da capital fluminense, entre 31 de dezembro de 2015 e 1º de janeiro do ano que vem, segundo publicação da Riotur (empresa pública de turismo) no Diário Oficial do Município. O artista é representado pela empresa Duluili Produções e Eventos Artísticos.
O valor recorde é superior ao que foi pago ao cantor Seu Jorge (R$ 700 mil) no ano passado. Além de Zeca, outros artistas se apresentarão no palco principal que será montado na praia. Só nesta semana, foram definidos cachês de R$ 40 mil e R$ 96 mil para outras duas produtoras.
Procurada pela reportagem do UOL, a Riotur justificou o investimento com o argumento de que, no Réveillon, "o mundo inteiro volta seus olhos para a cidade com a chegada dos Jogos Olímpicos e celebramos o centenário do mais carioca dos ritmos", em referência ao centenário do samba, comemorado neste ano.
"O Réveillon na praia de Copacabana reúne dois milhões de pessoas a cada ano, entre cariocas e turistas. Para esta virada, a cidade espera receber 857 mil visitantes, que irão gerar divisas na ordem de US$ 686 milhões. A Prefeitura do Rio considera um excelente investimento para a atração de um número ainda maior de turistas", informou o órgão.
A assessoria de comunicação de Zeca Pagodinho informou que ainda não havia conversado com o artista sobre o assunto e que por isso ainda não se posicionaria oficialmente.

Atrações

No palco principal, em frente ao Copacabana Palace, além de Zeca Pagodinho, vão se apresentar os cantores Jorge Ben Jor e Gabriel Moura, e a escola de samba Beija-Flor de Nilópolis, logo após a queima de fogos.
Já no palco Santa Clara, em frente à rua Santa Clara, além das escolas de samba do Salgueiro e do Grande Rio, os cantores Arlindo Cruz e Dudu Nobre são as atrações confirmadas.

Tema olímpico

O Réveillon deste ano na praia de Copacabana terá como tema os Jogos Olímpicos de 2016 e o centenário do samba.
De acordo com a Abih (Associação Brasileira de Indústria de Hotéis do Rio de Janeiro), 70% dos quartos de hotéis da cidade já estão reservados. Os bairros mais procurados são Ipanema, Leblon, Copacabana e Leme, que apresentam taxa de 80% de ocupação.
Pela primeira vez, um espetáculo teatral e musical fará parte das atrações do palco principal de Copacabana. O musical vai visitar a história dos cem anos do samba, com o cantor Diogo Nogueira como protagonista da apresentação.
A festa contará com 12 apresentações, divididas entre o palco principal e o palco Santa Clara. Haverá 16 minutos de queima de fogos. Serão usadas 11 balsas e 24 toneladas de fogos.
A estrutura montada na praia de Copacabana contará com cinco postos médicos e 30 estações de policiamento.
Fonte : (http://noticias.uol.com.br/cotidiano/ultimas-noticias/2015/12/04/rio-paga-r-800-mil-por-show-de-zeca-pagodinho-no-reveillon-de-copacabana.htm)