Crivella anuncia aumento de passagem ônibus para R$ 3,95 no Rio de Janeiro

Via: UOL
Luís Adorno
Do UOL, em São Paulo 01/06/201812h40 > Atualizada 01/06/201813h44


A tarifa dos ônibus municipais do Rio de Janeiro vai subir de R$ 3,60 para R$ 3,95, informou nesta sexta-feira (1º) o prefeito da capital fluminense, Marcelo Crivella (PRB).

Não é certa a data em que o novo preço vai começar a valer. A tarifa vai entrar em vigor a partir do momento que as empresas de ônibus que têm ações contra a prefeitura retiraram as medidas judiciais.

"Além de firmar um compromisso de climatização de toda a frota do município do Rio até 2020, com cronograma a ser seguido, o acordo, que antes previa a tarifa de R$ 4, foi reduzido para R$3,95", informou a prefeitura, em nota.

O compromisso também estabelece que os lucros e gastos das empresas, com balancetes trimestrais, serão compartilhados com a prefeitura. "O Rio Ônibus doará R$ 7 milhões para recapeamento das ruas do Rio", complementou a gestão municipal.


"O que todos precisam entender é que nós estamos há um ano e meio sem reajuste. E ainda assim nós temos uma das passagens mais baratas da região", afirmou Crivella. "Pelos nossos estudos, a fórmula paramétrica apontava para uma tarifa de R$ 4,05 e nós conseguimos negociar e reduzir para R$ 3,95", complementou.

Pelo acordo, os novos coletivos, além de já serem entregues climatizados, devem ter a tecnologia wifi e espaços USB, para que os usuários consigam carregar seus celulares. 

Preço voltará a subir após decisões judiciais
O preço da tarifa oscilou no Rio desde o início do ano passado. A passagem, que custava R$ 3,80, baixou, em agosto, para R$ 3,60, após determinação judicial. Em novembro, caiu mais ainda, para R$ 3,40.


Em fevereiro de 2018, o preço voltou a subir: voltou a custar R$ 3,60. Três dias depois do anúncio, nova liminar determinou que a tarifa voltasse a R$ 3,40. No mesmo mês, essa liminar foi suspensa, e o valor de R$ 3,60 ficou mantido até agora, quatro meses depois.